Articles & News Stories

KARINA PEREIRA ANDRADE. BIBLIOTECA ESCOLAR: a relação entre o profissional bibliotecário e seus métodos NITERÓI

Description
UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE INSTITUTO DE ARTE E COMUNICAÇÃO SOCIAL DEPARTAMENTO DE CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO CURSO DE GRADUAÇÃO EM BIBLIOTECONOMIA E DOCUMENTAÇÃO KARINA PEREIRA ANDRADE BIBLIOTECA ESCOLAR:
Published
of 29
4
Published
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Similar Documents
Share
Transcript
UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE INSTITUTO DE ARTE E COMUNICAÇÃO SOCIAL DEPARTAMENTO DE CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO CURSO DE GRADUAÇÃO EM BIBLIOTECONOMIA E DOCUMENTAÇÃO KARINA PEREIRA ANDRADE BIBLIOTECA ESCOLAR: a relação entre o profissional bibliotecário e seus métodos NITERÓI 2016 KARINA PEREIRA ANDRADE BIBLIOTECA ESCOLAR: a relação entre o profissional bibliotecário e seus métodos Trabalho de Conclusão de Curso apresentado a Universidade Federal Fluminense como requisito parcial para obtenção do grau de Bacharel em Biblioteconomia e Documentação. Orientador (a): Rosimere Mendes Cabral NITERÓI 2016 A553b Andrade, Karina Pereira. Biblioteca Escolar: a relação entre o profissional bibliotecário e seus métodos/ Karina Pereira Andrade f. Orientadora: Rosimere Mendes Cabral. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Biblioteconomia e Documentação) Universidade Federal Fluminense, Instituto de Arte e Comunicação Social, Bibliografia: f Biblioteca escolar. 2. Usuário. 3. Criança. 4. Bibliotecário. 5. Leitura. 6. Pesquisa. 7. Ação cultural. 8. Corpo docente. 9. Corpo discente. I. Cabral, Rosimere Mendes. II. Universidade Federal Fluminense. Instituto de Arte e Comunicação Social. III. Título. CDD (22ª) KARINA PEREIRA ANDRADE BIBLIOTECA ESCOLAR: a relação entre o profissional bibliotecário e seus métodos Trabalho de Conclusão de Curso apresentado a Universidade Federal Fluminense como requisito parcial para obtenção do grau de Bacharel em Biblioteconomia e Documentação. Aprovado (a) em / / BANCA EXAMINADORA Prof. Rosimere Mendes Cabral (orientadora) Universidade Federal Fluminense (UFF) Prof. Esther Hermes Luck Universidade Federal Fluminense (UFF) Prof. Sandra Borges Badini Universidade Federal Fluminense (UFF) Alegre, dedico ao meu Deus, à minha família e a todos aqueles que passaram pela minha vida de maneira única e especial, seja através dos laços familiares (natural e por meio da fé) ou das amizades. AGRADECIMENTOS É com imensa honra que venho agradecer, em primeiro lugar à Deus que sempre se mostrou tão presente em minha vida e especialmente em cada momento desses anos em que estive na faculdade. Desde o momento em que passei na universidade, as pessoas que Ele colocou no meu caminho, o intercâmbio para Portugal, e agora a conclusão do curso, não tem como não ver que foi tudo conforme a sua boa, agradável e perfeita vontade, e se tudo é dele, por Ele e para Ele, então eu dedico de forma especial toda à minha vida, e tudo que passei ao longo desses 5 anos de estudo à Ele. Agradeço pela vida da minha família que sempre esteve do meu lado e me apoiando em todos as situações. E principalmente pela minha mãe, Ana Maria, que sempre foi uma mulher tão dedicada e incansável. Com certeza sem o apoio dela não teria chegado onde cheguei. Obrigada mãe! Sou grata, também, a todos aqueles que participaram dessa etapa que termina na minha vida. Aos meus colegas universitários: Flavia Braga, Isis Mendonça e Alberto Costa que me ajudaram muito em todos os aspectos. Agradeço também à Comunidade Evangélica Internacional Zona Sul (CEIZS) que tanto torce por mim e pelo meu sucesso, e aos meus irmãos na fé: Regina Ferreira, Aline Santiago, Estephano Sant Anna e tantos outros que cooperaram de alguma forma e se fazem presentes de maneira tão linda na minha vida. Meu coração também se enche de gratidão pela vida de todos os professores que se mostraram dedicados ao longo do curso, especialmente à professoras Esther Luck, Sandra Badini e a minha orientadora Rosimere que contribuíram na formação desse trabalho e, também à Rachel Polycarpo que foi minha chefe no período em que estagiei na Biblioteca Flor de Papel, a qual funciona dentro da Creche UFF, que se mostrou tão dedicada no seu trabalho, exercendo seu profissionalismo com tanto empenho, humildade e conhecimento, além de ser tão paciente com todos os colegas de trabalho. Enfim, sou muito grata a UFF pela oportunidade de me enriquecer como estudante, como profissional e como cidadã, e por me permitir ter contato com tantas pessoas especiais, as quais só desejo que cresçam cada vez mais. Finalmente, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é respeitável, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se alguma virtude há, e se algum louvor existe, seja isso o que ocupe o vosso pensamento. Filipenses 4:8 A sabedoria oferece proteção, como o faz o dinheiro, mas a vantagem do conhecimento é está: a sabedoria preserva a vida de quem a possui. Eclesiastes 7:12 RESUMO Aborda o tema da biblioteca escolar e as diversas funções que o bibliotecário deve desempenhar à comunidade interna e externa junto à instituição de ensino. Tendo em vista a importância da biblioteca na formação do cidadão na educação básica, este estudo objetiva evidenciar esse espaço e a missão do bibliotecário escolar como parte essencial no trabalho pedagógico da instituição. Apresenta o conteúdo histórico a fim de situar o leitor na importância da biblioteca escolar para a educação, realizando, assim, uma pesquisa histórica sobre o surgimento das primeiras escolas e bibliotecas escolares no Brasil. Retrata o valor dessa biblioteca como mediadora da educação na construção, não apenas de um leitor, mas de um cidadão moralmente capaz de exercer suas habilidades na sociedade em favor de si mesmo e do seu próximo. Em virtude dos fatos mencionados, faz-se necessário que o profissional da informação procure se aprimorar cada vez mais no trabalho com crianças e jovens, no intuito de conquistá-los e despertar neles o interesse em aprender e crescer como pessoas. Visando formar, não apenas estudantes, mas seres humanos socialmente independentes. Palavras chave: Biblioteca escolar. Usuários. Crianças. Bibliotecário. Leitura. Pesquisa. Ação Cultural. Corpo Docente. Corpo Discente. ABSTRACT Addresses the issue of school library and the various functions that the librarian should play to the internal and external community with the educational institution. Taking in consideration the importance of the library in the training of citizens in basic education, this study aims to show that area and the mission of the school librarian as an essential part of the educational work of the institution. It presents the historical content in order to situate the reader about the importance of the school library for education, performing thus a historical research on the emergence of the first schools and school libraries in Brazil. It also reflects the value of that library as a mediator of education in building not only a player, but a citizen morally capable to exercise his skills in society in favor of himself and his neighbour. With all of the mentioned points, it is necessary that the professional of information to improve constantly the work with children and young people in order to get their attention and arise in them the interest to learn and grow as people. In order to form, not only students, but socially independent human beings. Keywords: School library. Users. Children. Librarian. Reading. Cultural Action. Research. Faculty. Students. LISTA DE ABREVIATURAS E SIGLAS ALA BE CRB ENEM IFLA INEP LDB MEC PCN SENAC SENAI UNE American Library Association Biblioteca Escolar Conselho Regional de Biblioteconomia Exame Nacional de Ensino Médio International Federation Of Library Associations And Institutions Instituto Nacional de Estudos Pedagógicos Lei de Diretrizes e Bases da Educação Ministério da Educação Parâmetros Curriculares Nacionais Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial União Nacional dos Estudantes SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO UMA ABORDAGEM HISTÓRICA DA EDUCAÇÃO NO BRASIL BREVE HISTÓRICO SOBRE A BIBLIOTECA ESCOLAR A BIBLIOTECA ESCOLAR E O SEU PAPEL A CONTRIBUIÇÃO DA BIBLIOTECA ESCOLAR O PROFISSIONAL BIBLIOTECÁRIO NA BIBLIOTECA ESCOLAR CONCLUSÃO REFERÊNCIAS... 62 12 1 INTRODUÇÃO Esse trabalho visa expressar o papel da biblioteca escolar (BE) como suporte essencial no trabalho didático pedagógico. Logo, focaremos os métodos que podem ser realizados tanto em relação ao espaço da biblioteca, quanto ao trabalho que o profissional bibliotecário deve exercer junto à instituição de ensino e, consequentemente, os resultados benéficos que essa parceria pode trazer para toda a vida do estudante, não apenas na sua infância, mas também na sua vida adulta. Segundo Motta (1999, p. 21) a biblioteca escolar que está [...] dentro de uma instituição deve estar bem definida quanto à sua organização e funcionamento para que venha facilitar o ensino e a aprendizagem. Ela deve ser prazerosa e ter atividades educacionais voltadas ao incentivo e desenvolvimento da criança de maneira que acompanhe seu desenvolvimento. A biblioteca escolar pode ser um espaço educativo, social e de lazer, podendo ser frequentado por qualquer tipo de público. Ela é um local também de leitura e de divertimento, onde os estudantes vão porque querem ir e não porque são obrigados. Para Montessori (1965), o espaço frequentado pelas crianças precisa proporcionar toda a liberdade que elas necessitam para circular, aprender, e manusear os instrumentos que há naquele ambiente, permitindo a elas se transformarem em seres equilibrados, os quais conseguem ter o domínio sobre si próprios e sobre o meio em que estão inseridos. A biblioteca escolar é um ambiente que oferece oportunidades e alternativas para aumentar na criança o desejo pelo conhecimento e a forma que ela tem de ver o mundo que a rodeia. Para Stavis, Koch e Drabik (2001, p. 36): Essa biblioteca deve incentivar e disseminar o gosto pela leitura junto à criança, por meio do acervo organizado e integrado aos interesses da instituição e das crianças, bem como da estrutura e funcionamento. A biblioteca escolar, em cumprimento a sua função educativa, tem como papel provocar nelas a procura por experiências, pensamentos e críticas de maneira pessoal ou coletiva, através da motivação pela busca do conhecimento, que desenvolve no aluno o gosto e o hábito pela leitura e a atitude de busca da informação. A biblioteca escolar é um espaço educativo e cultural que serve de referência na vida de qualquer cidadão, principalmente aquele que está na fase inicial de sua vida, descobrindo o mundo ao seu redor. Por outro lado, a BE não está a serviço apenas do professor, e sim de toda a comunidade escolar (e às vezes da comunidade externa inserida em volta também). Por isso, a BE tem que estar alinhada a proposta da escola conforme 13 as diretrizes da mesma, ao mesmo tempo em que possui seu próprio projeto de trabalho com o objetivo de atender a todos. A presença do profissional bibliotecário escolar tem que ser de quem atua como o mediador, consciente de sua função de educador, que possui e busca experiência didática e criativa, sabe manter um bom relacionamento com elas e que ofereça atividades de incentivo à leitura com a finalidade de despertar nas crianças um interesse para explorar o mundo encantado da leitura. Para isso, o bibliotecário tem que estar inteirado da proposta pedagógica e dos métodos da instituição de educação a qual a biblioteca está inserida, pois é por meio desses métodos que o profissional da informação irá atuar como incentivador da leitura. No entanto, mesmo que o professor não queira utilizar o espaço da BE, ainda assim, tanto o espaço como o profissional têm seu valor por causa do atendimento aos alunos, aos seus responsáveis e a todos os colaboradores da escola. O bibliotecário é o profissional melhor qualificado para atuar nesse espaço, porém ele não é dono da biblioteca, ou seja, ele pode contar, também, com o auxílio e participação de todo aquele que desejar cooperar com a BE. Contudo, o processo de comunicação entre a instituição de ensino, o professor e o bibliotecário se torna fundamental para o processo de desenvolvimento e o prazer que as atividades trabalhadas podem gerar nos pequenos e grandes usuários frequentadores da biblioteca. Essa parceria acrescentará em suas vidas contribuindo no estímulo e aprimoramento de suas habilidades que os acompanharão em todas as suas experiências acadêmicas, profissionais e, até mesmo, pessoais. Segundo a afirmação da International Federation Of Library Associations And Institutions (IFLA) (2000, p. 2): Está comprovado que quando os bibliotecários e os professores trabalham em conjunto, os alunos atingem níveis mais elevados de literacia, de leitura, de aprendizagem; de resolução de problemas e competências no domínio das tecnologias e comunicação. Considerando os pontos apresentados até o momento, o objetivo geral deste trabalho é demonstrar a importância da biblioteca escolar e o desempenho do profissional para o processo de ensino e aprendizagem. E os objetivos específicos são: identificar o papel da biblioteca e do bibliotecário na formação do leitor, identificar a função da biblioteca escolar dentro da instituição de ensino, dar maior visibilidade a influência que a biblioteca e o profissional bibliotecário podem exercer dentro da instituição de ensino e mostrar os benefícios que o aluno e a escola podem ter quando o professor e o bibliotecário trabalham juntos. 14 O interesse pelo assunto biblioteca escolar começou a partir da compreensão que tive da importância desse meio na vida e na formação de qualquer indivíduo, e só aumentou com a percepção da desvalorização pelo qual ela vem passado ao longo dos anos. Minhas experiências práticas e teóricas em bibliotecas escolares, e a lembrança da minha infância sem biblioteca na maioria das escolas em que estudei me indignaram, ao mesmo tempo que me motivaram a fazer parte daqueles que lutam a favor da biblioteca escolar e esse trabalho é o início da minha participação nessa luta. A metodologia utilizada será por meio da revisão de literatura, ou seja, leituras e análises de livros e artigos de periódicos eletrônicos de maior relevância na área da Educação e da Biblioteconomia. O texto será elaborado com as análises feitas a partir dessas leituras realizadas nos materiais usados para estudo e reflexão do tema em questão, apenas com base na revisão de literatura do assunto. A motivação da pesquisa se dá na necessidade do papel da biblioteca e do bibliotecário na formação do leitor na fase infantil e juvenil dentro da escola; logo, os materiais estudados estão sendo levantados e criticamente revisados tanto na área de biblioteconomia como, também, na área de pedagogia, uma vez que o bibliotecário atua como educador contribuindo com o trabalho do professor. Contudo não iremos sair do foco do bibliotecário escolar. O marco teórico conceitual utilizado neste trabalho baseia-se em duas grandes áreas: educação e biblioteconomia. No primeiro momento, a fim de se expor um breve panorama da história da educação brasileira e da influência internacional que ela recebeu serão utilizadas contribuições teóricas de ilustres autores clássicos e contemporâneos da área da educação, tais como: Paulo Freire, Maria Montessori, entre outros. Logo após, para embasar teoricamente o tema biblioteca escolar, serão utilizadas as contribuições dos consagrados e renomados autores desta temática: Luís Milanesi, Waldeck Carneiro da Silva, Bernadete Santos Campello, Nanci Nóbrega, Roger Chartier, entre outros. O manifesto IFLA/Unesco para biblioteca escolar e a Lei serão objetos igualmente essenciais para esta fase do trabalho. Em virtude do que foi mencionado até aqui, para melhor clareza do leitor, o trabalho será dividido em cinco seções, sendo o terceiro item dividido em dois pontos que foquem a importância do espaço da biblioteca e no que ela pode contribuir. A primeira seção, ou seja, a introdução, como podemos perceber trata-se de um breve resumo do trabalho e das pesquisas teóricas estudadas para a realização do mesmo. Na segunda seção falaremos sobre a história da educação no Brasil, a qual perceberemos que desde o início foi negligenciada, dominada pelas elites, e formada apenas por interesses políticos e 15 religiosos. Através disso, notaremos que o primeiro problema da biblioteca escolar está atrelado ao descaso na educação brasileira, por não ser valorizada no país. Atualmente, a educação no Brasil continua sendo depreciada, devido à falta de interesse dos governantes, em proporcionar os investimentos necessários para as escolas, principalmente as públicas. Por outro lado, podemos perceber a falta de conscientização dos profissionais das instituições escolares (sejam públicas ou privadas). A maioria não destina espaços adequados para o bom funcionamento e gestão de uma biblioteca, e muitas vezes esses espaços não são ocupados por profissionais bibliotecários capacitados a exercerem sua função, pois quando há esse espaço quem assume o cargo se torna um profissional de outra área (muitas vezes um professor aposentado ou um estagiário). Todo o problema em questão ocorre tanto pela falta de verba, quanto pela falta de entendimento do valor desse espaço e do profissional. Por isso, para que a biblioteca escolar seja valorizada é preciso que o bibliotecário assuma sua postura de educador, para que ela possa estar capacitada a atuar como a principal parceira do professor no campo da educação. Para Silva (1995, p. 11) a postura desses profissionais se resume da seguinte forma: Silêncio: essa talvez seja a palavra que melhor simboliza a situação real da biblioteca escolar no Brasil. Sem dúvida, a biblioteca escolar brasileira encontra-se sob o mais profundo silêncio; silenciam as autoridades, ignoramna os pesquisadores, calam-se os professores, omitem-se os bibliotecários. É realmente um silêncio quase sepulcral, que até faz sentido, pois a biblioteca escolar no Brasil está praticamente morta, faltando apenas enterrá-la. A terceira seção vai tangenciar com a segunda, porém diferenciando-se em um item importante, o qual vai permitir ao leitor mergulhar de vez no assunto da biblioteca escolar. Esse tópico irá salientar o surgimento da biblioteca escolar dentro do contexto histórico da educação no Brasil, e como vimos anteriormente, ele será seguido por mais dois subitens que, também, nos trará de volta ao contexto atual da biblioteca. A quarta seção vai falar diretamente ao profissional bibliotecário, nos revelando o seu real papel e quebrando alguns conceitos e paradigmas que fazemos sobre esse profissional, além de nos ajudar a enxergar que, quando se trata de crianças o lado profissional anda de mãos dadas com o lado humano. E por fim, a quinta e última seção, nos mostrará o objetivo pelo qual foi feito esse projeto, que se reflete apenas e acima de tudo, em instigar o leitor a pensar por si próprio, se a biblioteca escolar tem valor para formação de uma criança, um adolescente, um jovem e qual é o seu valor. 16 Acredito que o simples fato de dar ao leitor as ferramentas necessárias para pensar consigo mesmo, é o primeiro grande passo para que a sociedade perceba a importância e as necessidades envolvidas na área da educação e, nesse caso, o que concerne à biblioteca escolar. Acredito que se cada um se mobilizar para fazer a sua parte, dentro daquilo que entende ser importante, pode fazer a diferença e promover a atitude de outras pessoas, não apenas dos profissionais atuantes, mas de toda a comunidade ao redor. 17 2 UMA ABORDAGEM HISTÓRICA DA EDUCAÇÃO NO BRASIL Esta seção irá apresentar, de forma sucinta, os acontecimentos ao longo da história, no que diz respeito a educação no Brasil. O período relatado aqui tem seu início na colônia, com a chegada dos padres jesuítas e o ensino trazido por eles, o qual perdura até o século XX, com a chegada das políticas democratizantes. O capítulo em questão tem o propósito de retratar como se construiu e organizou o sistema educacional brasileiro, desde o período colonial, até a república e os anos que a acompanha, contudo, será relatado apenas o contexto nacional. Como consequência da história, pois vamos perceber que nenhum dos fatos aconteceu de forma isolada, antes um acontecimento desencadeou outros acontecimentos, apontaremos como
Search
Related Search
We Need Your Support
Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

Thanks to everyone for your continued support.

No, Thanks
SAVE OUR EARTH

We need your sign to support Project to invent "SMART AND CONTROLLABLE REFLECTIVE BALLOONS" to cover the Sun and Save Our Earth.

More details...

Sign Now!

We are very appreciated for your Prompt Action!

x