Documents

FOLHETO CURSO_FUNDEC_V03CML (1).pdf

Description
organização E INSCRIÇÃO Data e Local As sessões terão lugar no Departamento de Engenharia Civil, Arquitetura e Georrecursos do Instituto Superior Técnico, Universidade de Lisboa, AVª Rovisco Pais, 1049-001 Lisboa. Custo da Inscrição 650 Euros. Preço sujeito a IVA à taxa legal em vigor (inclui documentação, coffee-break, almoço e estacionamento). No caso de inscrições de 5 ou mais técnicos da mesma instituição, o valor por técnico inscrito será de 499 Euros mais IVA. Inscrições O pagamento da ins
Categories
Published
of 2
24
Categories
Published
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Similar Documents
Share
Transcript
   organização E INSCRIÇÃO Data e Local  As sessões terão lugar no Departamento de Engenharia Civil, Arquitetura e Georrecursos do Instituto Superior Técnico, Universidade de Lisboa, AVª Rovisco Pais, 1049-001 Lisboa. Custo da Inscrição 650 Euros. Preço sujeito a IVA à taxa legal em vigor (inclui documentação, coffee-break, almoço e estacionamento). No caso de inscrições de 5 ou mais técnicos da mesma instituição, o valor por técnico inscrito será de 499 Euros mais IVA. Inscrições O pagamento da inscrição deverá ser efetuado antes do início do curso, através de transferência bancária para o NIB 0035 0373 0001 0891 53017 (agradece-se envio do respetivo comprovativo), ou por cheque emitido em nome de FUNDEC e enviado para FUNDEC  –  IST  –  DECivil, Av. Rovisco Pais, 1049-001 Lisboa. O participante que pretenda cancelar a inscrição deverá comunicar a sua pretensão à FUNDEC com a antecedência mínima de 24 horas, sob pena de pagamento de 50% do valor da inscrição. Poderá ser utilizado o e-mail para efeitos de pré-inscrição. Participantes Máximo de 20 participantes. Data Limite de Inscrição 21 de novembro de 2016 Língua do Curso Português Secretariado FUNDEC  –  Fernanda Correia / Vanessa Silva  IST    –  Gabriela Cunha Tel:  21 841 80 42 / 21 841 83 65 Fax:  21 841 81 93   E-mail:  fundec@tecnico.ulisboa.pt; gabriela.cunha@técnico.ulisboa.pt  MODELAÇÃO DINÂMICA DE SISTEMAS DE DRENAGEM URBANA RECORRENDO AO STORM WATER MANAGEMENT MODEL (SWMM): PRINCÍPIOS, APLICAÇÕES E CASOS DE ESTUDO 23 a 30 de novembro de 2016 Coordenação Prof. José Saldanha Matos  Professor Catedrático do Departamento de Engenharia Civil, Arquitectura e Georrecursos do Instituto Superior Técnico Prof.ª Filipa Ferreira Professora Auxiliar do Departamento de Engenharia Civil,  Arquitectura e Georrecursos do Instituto Superior Técnico 0.00.10.20.30.40.50.60 24 48 72 96 120 Q (m3/s)t (h)  OBJECTIVOS DO CURSO Esta Ação de Formação e Especialização é organizada pela Associação para a Formação e o Desenvolvimento em Engenharia Civil e Arquitetura (FUNDEC), com o apoio do Departamento de Engenharia Civil e Arquitetura e Georrecursos (DECivil) do Instituto Superior Técnico (IST) e a colaboração de investigadores do LNEC. A Ação diz respeito à modelação dinâmica de sistemas de drenagem urbana, incluindo sistemas de coletores e instalações elevatórias, com ênfase na modelação matemática enquanto instrumento de apoio à decisão. Nas últimas décadas, o aumento da concentração urbana em grandes aglomerados, a evidência da escassez de recursos e a dificuldade de cumprimento dos objetivos ambientais de proteção de meios recetores fez surgir novos “paradigmas” ou formas de pensar   e solucionar os problemas de Ambiente. Entre as novas exigências no domínio do saneamento inclui-se a necessidade de abordagens sustentáveis, com racionalização de recursos e otimização do desempenho, que requerem, frequentemente, o apoio de instrumentos de monitorização e de modelação. Neste contexto, assume relevância a modelação dinâmica do desempenho de sistemas de drenagem urbana, para controlo e redução de inundações e de descargas de poluentes nos meios recetores. No passado, a FUNDEC promoveu cursos relativos à modelação e gestão avançada de infraestruturas de saneamento, nomeadamente sistemas de drenagem e Estações de Tratamento de Águas Residuais (ETAR).  Atendendo às solicitações profissionais atuais, torna-se importante promover um curso de carácter mais prático, com exemplos e casos de estudo, a desenvolver pelos participantes, dedicados especificamente à modelação de sistemas de drenagem através do programa SWMM (“Storm Water Management Model”) , desenvolvido pela EPA (US Environmental Protection Agency), e que é isento de encargos (“freeware”) . No âmbito desta Ação de Formação será abordada a conceção e o dimensionamento de componentes do sistema de drenagem, para controlo de inundações e beneficiação do desempenho dos sistemas existentes. Neste contexto, proceder-se-á à avaliação das condições do escoamento (caudais, alturas e velocidades) para diferentes solicitações do sistema de drenagem, com base em eventos pluviométricos reais. Divulgar-se-ão igualmente “novas” tendências ou abordagens do saneamento de águas residuais, com vista à sustentabilidade dos sistemas. O principal objetivo desta Ação de Formação e Especialização consiste, assim, na capacitação de quadros técnicos ao nível da utilização do programa SWMM, como ferramenta útil para a modelação do comportamento de infraestruturas de drenagem e saneamento. DESTINATÁRIOS Técnicos superiores da administração local, regional e central, bem como técnicos de empresas e instituições públicas ou privadas interessadas nos domínios de saneamento e ambiente. Os participantes que frequentem o curso receberão documentação escrita e digital e um Certificado de Frequência de Formação Profissional. PROGRAMA Q UARTA - FEIRA ,  DIA 23  DE NOVEMBRO  09h30  –  13h00  Apresentação geral. O saneamento em Portugal: desafios, oportunidades e perspetivas. Principais infraestruturas de sistemas de drenagem ( e.g  ., coletores, descarregadores, estações elevatórias, válvulas de maré). Operação e manutenção de sistemas. Q UINTA - FEIRA ,  DIA 24  DE NOVEMBRO  09h30  –  13h00 Conceitos gerais de hidráulica aplicada e hidrologia urbana: escoamentos sob pressão e em superfície livre; escoamentos permanentes e variáveis; precipitação e escoamento de superfície; modelos de estimativa de caudais; dispositivos intercetores. Simulação do comportamento hidráulico e ambiental de sistemas de coletores: formulação e princípios gerais. S EXTA - FEIRA ,  DIA 25  DE NOVEMBRO  09h30  –  13h00 Introdução ao modelo SWMM: aplicabilidade, limitações e potencialidades. Desenvolvimento de trabalho prático. S EGUNDA - FEIRA ,  DIA 28  DE NOVEMBRO  09h00  –  12h30  Aplicação do modelo SWMM a casos de estudo (trabalho prático). 12h30  –  14h00  Almoço 14h00  –  17h30  Aplicação do modelo SWMM a casos de estudo (continuação).  T ERÇA - FEIRA ,  DIA 29  DE NOVEMBRO  09h00  –  12h30 Beneficiação de sistemas de drenagem urbana e “ controlo na srcem ” . Descrição sumária de outros modelos computacionais de simulação dinâmica. Interligação entre modelos de simulação dinâmica e SIG. 12h30  –  14h00  Almoço 14h00  –  17h30 Visita de estudo. Exemplos de monitorização, modelação e gestão integrada de sistemas de saneamento.  Q UARTA - FEIRA ,  DIA 30  DE NOVEMBRO  09h00  –  12h30 Finalização do trabalho prático e discussão de resultados. 12h30  –  14h00  Almoço 14h00  –  17h30  Aspetos teóricos. Introdução à gestão avançada de sistemas de saneamento. Monitorização e controlo em tempo real. Encerramento da Ação de Formação.  
We Need Your Support
Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

Thanks to everyone for your continued support.

No, Thanks
SAVE OUR EARTH

We need your sign to support Project to invent "SMART AND CONTROLLABLE REFLECTIVE BALLOONS" to cover the Sun and Save Our Earth.

More details...

Sign Now!

We are very appreciated for your Prompt Action!

x