Documents

Cap 1-2 - Contratualistas + Montesquieu, Out 2016

Description
slides
Categories
Published
of 54
13
Categories
Published
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Similar Documents
Share
Transcript
  ISEG-UL, Licenciatura em Economia, 2º Ano, SOCIOLOGIA, Outubro de 2016 I - Autores contratualistas: Thomas Hobbes,John Locke, Jean-Jacques Rousseau Thomas Hobbes O ser humano é entendido por analogia com a forma como diversos dispositivosmecânicos operam , ou se supõe que operam. O corpo de cada um é consideradofundamentalmente como uma máquina,  a sociedade sendo ela própria uma imensamáquina , cujas partes são constituídas pelos diversos corpos individuaisconcatenados. O princípio orientador da ação individual é suposto corresponder à procura doprazer e à fuga à dor , sendo que essas inclinações alegadamente expressam elasmesmas uma pulsão vital subjacente. Se a lógica da ação de cada um e de todoscorresponde à luta pela vida, raciocina Hobbes, esse constitui também o horizonte detodo o  “dever ser” . No universo humano, os direitos de cada um não reconhecemportanto, e é aliás justo que não reconheçam, senão os limites indicados pelo podercorrespondente: em suma,  o poder, e só ele, constitui o direito e é a sua essência (“ might is right  ”) .  ISEG-UL, Licenciatura em Economia, 2º Ano, SOCIOLOGIA, Dezembro de 2015 Autores contratualistas: Thomas Hobbes, John Locke, Jean-Jacques Rousseau Thomas Hobbes Acontece, porém, que  a espécie humana é duma natureza muito particular, que atorna potencialmente mais agressiva e autoagressiva que todas as demais . Oshomens antecipam, por isso temem; por isso também, tendem permanentementepara aquilo a que por vezes se chama  “ataques preventivos” (“  preemptive strikes ”) . Ao homem, diz Hobbes,  “já  a fome futura lhe faz  fome” . Assim sendo, mesmo comtoda a acumulação de riqueza, de poder em sentido estrito e de  “vã glória”  com quepreenchem as suas existências (tentando iludir o implacável medo que constitui o “buraco negro”  no núcleo de cada uma delas), mesmo com toda esta projeção do “eu”  egoísta de cada um deles/nós, tais dispositivos de ampliação do poder (e dosdireitos) de cada um e de todos tendem a produzir um conflito generalizado.  ISEG-UL, Licenciatura em Economia, 2º Ano, SOCIOLOGIA, Dezembro de 2015 Autores contratualistas: Thomas Hobbes, John Locke, Jean-Jacques Rousseau Thomas Hobbes A situação é, portanto, num certo sentido paradoxal:  dado que não há limitesuniversais para o que um qualquer direito natural prescreve às ações de cada um, ouporque os direitos de cada um são potencialmente ilimitados, a garantia aos direitosde cada um e de todos é nula, ou quase .Se se trata de alguém reconhecidamente destituído de poder, então os direitoscorrespondentes são também reconhecidamente nulos.Se, entretanto, se trata de outrem teoricamente muito poderoso, ainda assimdefrontamos o facto incontornável de todos termos momentos de fraqueza, de toda agente ser mortal, e na verdade imensamente frágil.  ISEG-UL, Licenciatura em Economia, 2º Ano, SOCIOLOGIA, Dezembro de 2015 Autores contratualistas: Thomas Hobbes, John Locke, Jean-Jacques Rousseau Thomas Hobbes O reconhecimento desta fragilidade pode levar-nos a continuar na  “escaladaarmamentista”  que é a vida de cada um e todos ; a existência miserável na qual todossomos ao mesmo tempo vítimas e agressores, dos outros e de nós próprios. Mas podetambém, na  alternativa proposta por Hobbes , conduzir-nos a uma saída deste infernoque é a generalizada  “guerra  de todos contra  todos”,  através duma atuação geral econcertada. Por meio desta,  depomos todos as armas, logo também os direitos, naúnica condição de que todos os demais também procedam dessa forma . Abdicamos de tudo a favor de alguém ou duma instância  (um indivíduo, um colégio,uma instituição),  na condição apenas de que todos os nossos potenciais agressoresfiquem também desarmados , passando a referida instância a proceder doravante emnome de todos, mandatada por todos, tendo como  único objetivo a preservação dapaz civil .
We Need Your Support
Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

Thanks to everyone for your continued support.

No, Thanks
SAVE OUR EARTH

We need your sign to support Project to invent "SMART AND CONTROLLABLE REFLECTIVE BALLOONS" to cover the Sun and Save Our Earth.

More details...

Sign Now!

We are very appreciated for your Prompt Action!

x